English version

Poemário

Africa minha
Minha alma em ti se aninha,
Aconchegaste este filho amado.

Em espaço conquistado,
O teu coração humano
Cicatrizou o triste fado.

Em tempo de evolução,
Choro-te com a emoção
De fazer parte da tua reconstrução.


Alves Pinto, in Alma Grande no Meu País, © 2007



Desenvolvido por Bizview - Sistemas e Comunicação