English version

Poemário

Se navego pelas ondas de um mar
Na direcção de um sonho tentado,
É na esperança de não deixar ficar
O melhor de mim sepultado.

Se grito palavras lancinantes
A um destino inacabado,
É pelo desespero de ouvir
No universo, o meu eco abafado.


Alves Pinto, in Alma Grande no Meu País, © 2007



Desenvolvido por Bizview - Sistemas e Comunicação