English version

Poemário

Quem és para não ser, tu,
Quem pensas que és ser,
Muito além existe um ser,
Tu, se fores audaz em querer ser,
Um dia acabarás por ser, o ser,
Que sempre existiu, sem o saber,
E ao ser, serás tu, verdadeiro ser.


A Três Vozes, in Aliança, © 2010



Desenvolvido por Bizview - Sistemas e Comunicação